Fundo Brasil seleciona projeto do FCT sobre justiça socioambiental

O projeto apresentado pelo Fórum de Comunidades Tradicionais caiçaras, indígenas e quilombolas de Angra dos Reis, Paraty e Ubatuba (FCT) foi um dos 20 selecionados pelo edital anual do Fundo Brasil – “Combate à violência institucional e à discriminação”.  O Fundo destinará R$80 mil para apoiar por 18 meses ações do FCT com o foco em litígios socioambientais estratégicos na região da Bocaina.

Os recursos serão usados para ações pela defesa dos territórios das comunidades e povos tradicionais da região. Segundo Patrícia de Menezes, advogada e colaboradora do FCT, “o foco das ações são os conflitos decorrentes da sobreposição de unidades de conservação a territórios tradicionais. Atuaremos em duas frentes: intervenção judicial em casos estratégicos e a retomada, com o Ministério Público Federal, da Mesa de Diálogo por Justiça Socioambiental.”

O projeto do FCT concorreu com 968 outros projetos de todo o país. Além de recursos financeiros, os projetos são apoiados por meio de atividades de formação. A fundação também realiza visitas de monitoramento e as iniciativas são acompanhadas ao longo de todo o período de apoio. Saiba mais sobre o Fundo Brasil em: http://www.fundodireitoshumanos.org.br/ 

#FCT+10
#JustiçaSocioambiental
#Território

Sem comentários, ainda.

Deixe seu comentário